top of page
  • Foto do escritorRenata Dotto

UGC (User Generated Content): a construção de uma comunidade engajada

A ferramenta é a oportunidade de transformar o digital com histórias e narrativas personalizadas


Com certeza você já se deparou com algum vídeo, em plataformas digitais como o Tiktok ou o Instagram, onde as pessoas compartilham suas experiências com produtos e serviços. Aqueles conteúdos que, geralmente, são atrativos aos olhos do público e consumidos diariamente, como visita a um restaurante, um unboxing de compras ou um teste de cosméticos. Sem intenção de receber por isso, os produtores apenas desejam transmitir seus posicionamentos e opiniões sobre determinado produto ou serviço na internet.


Dessa prática emergiu um fenômeno no universo digital contemporâneo, o User Generated Content (UGC), em português, Conteúdo Gerado pelo Usuário. Claro, não demorou muito para os negócios identificarem o UGC como uma ferramenta poderosa para impulsionar estratégias de marketing de uma forma conectiva, pontual e engajada.


O UGC é, essencialmente, a expressão autêntica dos usuários sobre as marcas. Esse formato de conteúdo é direcionado às plataformas de mídia social, nas quais eles compartilham suas experiências de compra, avaliações de produtos, participam de desafios propostos pelas empresas e criam um diálogo ativo. Os formatos de UGC, geralmente, são encontrados em vídeo de unboxing, vídeo explicativo falado, ASMR (sensorial) ou até em dancinhas no TikTok.


GIF da Ivete Sangalo dançando com confetes dourados caindo

Fonte: Detail Technologies, via GIPHY

UGC como estratégia de marketing 


Já não é novidade que o conteúdo em vídeo, dinâmico e com poucos segundos, são os preferidos dos consumidores digitais. Paralelamente, as marcas procuram, cada vez mais, se associar a essas tendências globais, já que os negócios que buscam prosperar, precisam estar imersos nesse mundo.


E como a influência dessa prática pode fazer as marcas capitalizarem a tendência e evoluírem suas vendas? No palco digital, o UGC não é apenas uma estratégia de marketing: é um catalisador de autenticidade e conexões, proporcionando uma série de benefícios às empresas e aos negócios. Vamos explorar aqui uma lista com os principais.


GIF de passista sambando no sambódromo com fantasia de penas rosas

Fonte: Munchies, via GIPHY

Credibilidade do cliente 


O UGC proporciona autenticidade, justamente por ser gerado por consumidores reais, transmitindo uma sensação genuína e próxima. A autenticidade é o fator que contribui diretamente para a credibilidade da marca.


A pesquisa da Global Consumer Insights Pulse, realizada em setembro de 2023, comprova isso ao destacar que 32% dos brasileiros pesquisam nas redes sociais  o que desejam comprar. Redes sociais mais interativas, como o TikTok, servem como uma ferramenta de busca para os potenciais compradores, sendo o aplicativo em que mais encontramos os UGCs, pela facilidade de criação de conteúdo, algoritmo específico e quantidade de alcance. Assim, os consumidores tendem a confiar mais nas recomendações de pessoas “normais” e microinfluencers do que na opinião de famosos que possam ser patrocinados, ou em mensagens produzidas pela própria empresa.


GIF de carro alegórico de cavaleiro montado em cavalo branco desfilando no Sambódromo

Fonte: LiveChat, via GIPHY

Engajamento da marca e do consumidor 


A estratégia UGC é uma maneira assertiva de envolver e engajar os consumidores, incentivando-os a interagir com a marca. A participação do público na criação de conteúdo promove senso de comunidade em torno da própria marca, que, quando se conecta e fala com seu público, alcança um relacionamento muito mais profundo e duradouro. O UGC consegue enriquecer a experiência e criar um senso de proximidade com seus públicos, incluindo aqueles consumidores em potencial.


GIF de foliões curtindo o carnaval de rua na beira de uma praia

Fonte: Shaameless Maya, via GIPHY

Amplificação do alcance


Um dos resultados mais eficientes e impactantes do UGC é o aumento do alcance online. Quando os usuários compartilham conteúdo próprio e inédito, alcançam seus seguidores, que não necessariamente conheciam a marca. Isso resulta em uma amplificação orgânica do alcance do negócio para novos públicos. Na prática, se uma pessoa possui 2000 seguidores na sua conta pessoal, ela pode influenciar na decisão de pelo menos metade desse número e transformá-los em possíveis compradores. De acordo com o estudo “Quem te Influencia?”, realizado pela MindMiners e Youpix, 6 em cada 10 seguidores compram por influência. 


Em um exemplo de case de sucesso que viralizou com o UGC, vimos uma marca de cosméticos brilhar nas redes sociais, com milhares de vídeos autorais de consumidores falando sobre seus produtos. O gloss labial Choco Chilli foi lançado pela marca FRAN BY FR, no ano passado, e anunciado exclusivamente no Tiktok pela influenciadora e empreendedora da marca, Franciny Ehlke. No vídeo de lançamento, ela abre o produto e experimenta, convidando as seguidoras para fazer o mesmo. O vídeo viralizou e diversas consumidoras compartilharam suas versões dele, esgotando o gloss em todas as lojas e site na mesma semana do lançamento.



Banner de campanha do Ministério da Saúde sobre uso de camisinhas no carnaval

Fonte: Salon Line, via GIPHY

Publicidade orgânica e redução de custos de produção


O UGC ainda é uma grande oportunidade para as marcas terem uma divulgação não só orgânica, mas com custos reduzidos e, até mesmo, nulos. Com o fenômeno das redes sociais de vídeos virais, empresas podem trocar sua estratégia de publicidade tradicional para uma que incentive o público a participar. Criar desafios envolvendo seus produtos ou tornar o abrir da caixa uma experiência coletiva são algumas alternativas de incentivo ao UGC adotado por diversas empresas, que tendem a ser mais baratas (e eficientes) que a comunicação tradicional. 


A GoPro, produtora de câmeras de alta tecnologia voltada para o público esportista, é um exemplo de empresa que propõe o UGC e usa os conteúdos do público para se divulgar. A GoPro começou a usar as redes sociais de forma estratégica: em seu perfil no Instagram, a empresa posta diariamente as melhores fotos tiradas pelos usuários com suas câmeras. Nesse contexto,  a estratégia teve um resultado tão bom que a GoPro criou o GoPro Awards, um prêmio em dinheiro destinado às melhores fotos e vídeos dos clientes!



Feedback direto e melhoria contínua


Um dos melhores benefícios que o UGC pode trazer às marcas é a oportunidade valiosa de receber feedback direto dos consumidores. Os usuários que produzem os conteúdos tendem a ser sinceros e expressar sua real avaliação dos produtos, justamente por ser um conteúdo espontâneo e sem nenhum tipo de ligação contratual. Isso traz uma grande vantagem para as empresas, com um canal direto de resenhas, para pensarem em ajustes rápidos e contínuos. Com a ajuda do UGC, as empresas podem evoluir e demonstrar os esforços de adaptação às necessidades e expectativas do público, reforçando o relacionamento cliente-marca. 


GIF de passista com fantasia dourada mandando beijo para câmera

Fonte: ABC Netwo, via GIPHY


A estratégia UGC não só representa um fenômeno comunicacional, mas proporciona a expressão pessoal e a criação de comunidades online. Por meio  dos vídeos nas plataformas, as pessoas se inspiram, se influenciam e se conectam. A viralização desse tipo de conteúdo ajuda outros usuários a tomarem decisões de compra, e as marcas que o abraçam se destacam no mercado competitivo e impulsionam suas estratégias de vendas e expansões, além de estarem em sintonia com os seus consumidores.  


Com as tendências comunicacionais transformando o universo em que vivemos, é cada vez mais essencial estar atento às mídias sociais e em constante conexão com as estratégias do momento que revolucionam o marketing empresarial. 


A agência de comunicação boa de faro se mantém atualizada com a evolução digital, farejando as melhores estratégias para os negócios, e, claro, colocando em prática o poderoso UGC



Mulher branca com cabelos cacheados escuros sorrindo com uma tiara de carnaval de estrelas na cabeça e camisa de nuvens

Esse artigo foi escrito por Renata Dotto, que

ama acompanhar as tendências do digital e

é uma verdadeira consumidora de vídeos

UGCs no TikTok.


32 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


contato@sabujo.com.br
+55 51 3119.6355

Nosso instinto é farejar a melhor estratégia.

Av. Ipiranga, 7464 - Sala 824 e 825

Porto Alegre (RS) 

© 2024 - Sabujo - Comunicação boa de faro

Rua Capitão Antonio Rosa, 409 

São Paulo (SP)

bottom of page